4.4.13

Fácil & Difícil

Criticar é fácil, basta abrir a boca e tecer o achismo. Colocar-se no lugar do outro, viver suas lutas, sentir suas dores é que é difícil. 

Difícil é refletir antes de abrir a boca, perguntar-se se o que tem a dizer acrescentará. É difícil pedir licença para falar, e, mais ainda, conter-se diante da possibilidade de machucar.

É simples dizer o que se pensa, o que vai pela cabeça. É muito fácil falar sobre o que o outro fez ou deixou de fazer. Difícil é segurar-lhe a mão, oferecer-lhe o ombro, ouvir-lhe a voz ou respeitar-lhe o silêncio.

É muito simples falar sobre o que se vê, o que está exposto. Difícil é entender que nem tudo é como parece ser, que um ponto de vista nunca é igual a outro.

É simples achar que se tem o direito de mergulhar na vida alheia. Difícil é entender que todo mundo tem seu próprio abismo, seu mundo impenetrável, sua barreira.

Fácil é bancar o mestre, o guru, Deus, juiz ou amigo do peito. Difícil é ter discernimento, reconhecer as próprias deficiências, saber qual o limite entre a ajuda e a inconveniência.

6 comentários:

Liza Leal disse...

Eis o primeiro e maior desafio - edificar-se a si mesmo.

gosto mto de seus textos..
=)
bjo de luz

Ulisses Borges disse...

É bem por aí. Parecem palavras meio batidas, mas são absolutamente verdadeiras. Hoje em dia, difícil é não nos tornarmos "caga-regras", achando que nossas vidas são exemplares. Já cantava o Caetano, que "cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é".

Rooh. disse...

Nossa, qe lindo, muuuita verdade!
^^

Ângelo Feinhart disse...

O texto é tão lindo que eu o li diversas vezes.
Certamente você foi lindamente tocada pela inspiração. Para além da inspiração, pelo sentimento. Sim, muitos falam o que não precisam, e falam, na maior parte das vezes, porque querem: porque querem falar, sem medir consequência; porque querem julgar, sem conceder misericórdia ou compreensão; porque querem machucar, sem piedade.
Um encanto.
Abraço
www.pequenasinocencias.blogspot.com

Nádia disse...

Tão verdadeiro!
há tanto tento que nao passava por aqui.... sou-me bem :)

beijinho

Luzia Trindade disse...

Falar é tão fácil.. o difícil é pensar antes de falar.

Beijos