17.11.11

Sobre a Verdade


Se despíssemos as palavras das vestes da metáfora e disséssemos explicitamente o que elas representam, certamente causaríamos alvoroço, constrangimento em alguns ambientes. Porque verdade é nudez de atitudes, transparência do mais íntimo ser.

Se colocássemos a verdade nua e crua sobre pratos limpos e servíssemos em banquete, muitos declinariam o convite. Porque verdade sem adorno é prato indigesto, pesado pra muita gente.

Se falássemos a verdade sobre tudo o que pensamos e sentimos - a despeito das consequências - seríamos temidos e ganharíamos uma porção de inimigos. Porque a verdade é avessa à tapinhas nas costas, sorrisos convenientes. É senhora de poucos e seletíssimos entes.

|La Naissance de Vénus, 1879, de William-Adolphe Bouguereau - Musée d'Orsay, Paris|

19 comentários:

Cibele disse...

verdade dói né?
bjo.

Mel. disse...

texto perfeito!!!

Michele Santti disse...

Te achei

Bem vinda ao Blog Michele Santti

Já fiquei por aqui ;)

Gislãne Gonçalves disse...

verdade dói muito!

:)
beijos

Luna Sanchez disse...

Não abro mão da educação pra acompanhar a verdade.

Delicadeza, se puder vir junto, completa a trinca perfeita!

Beijos, flor.

Monalisa Macêdo. disse...

Perfeito. A mais pura 'VERDADE' rs.
Belíssimo, como sempre.

Juliana disse...

Perfeito.
Eu sou do tipo que prefere a verdade nua e crua rasgando o peito do que a eterna ferida aberta de uma mentira que diz tentar poupar a dor. A mentira me dói muito mais em um tempo mais duradouro.
bJu
;)

Juliana disse...

Ah! Quer votar na minha princesinha para o concurso Bebê Hipoglós 2011??
Acesse este link: http://meu.bb/160098
e veja como ela é linda!
Mamãe, filha e toda a família agradecem.
bJu
;)

Suzana Martins disse...

Ah... Isso é a mais pura verdade.

Infelizmente, algumas vezes, as nossas palavras estão camufladas de metáforas...

Beijos linda e um excelente final de semana!!^^

Martini Bianco disse...

É verdade. E muita gente passa uma vida inteira fugindo da verdade mais pura, sobre si e sobre os outros. A verdade é senhora de poucos e seletissimos entes. Fixei esta frase, especialmente. Muito bom :)

Beijos.

Anônimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=5qIhNiAysh4

Antonio Machado disse...

Amélie, a verdade é ótima, única!
Aprendemos a dizer parte da verdade por diplomacia. A paz depende um pouco da mentira e das meias verdades. Mas cá prá nós na intimidade tem que ser a verdade, quase sempre...
Parabéns pelos textos sempre tão espontâneos e verdadeiros!

Margot Félix disse...

Sempre há um jeitinho de dizer a verdade. Mas com ou sem jeitinho ela sempre dói.

Bjos!

Jhenyffer Andrade disse...

Por mais que consideremos a escrita uma liberdade, de pensamentos, sentimentos.. enfim, quase sempre, relatamos o que convém.
Gostei daqui.
Abraços.

Liz - Como as Cerejas da Minha Janela... disse...

Não gosto de hipocrisia e não abro mão da verdade, da sinceridade, da lealdade e da fidelidade, mesmo que, algumas vezes, tenha pagado caro por ser assim...

Beijos, linda!!

António disse...

Concordo plenamente com as tuas palavras, há palavras camufladas por sentimentos desejados.

Bjs!!

Letícia disse...

verdade verdadeira.

placco araujo disse...

Lindo texto... cru mais real!

Saudades

Beijos

Guilherme disse...

A verdade pode ser rosa de espinhos afiados, ou belo manto que nos dê alergias. A verdade pode ser uma velha feia de coração bondoso, prato rachado de comida apetitosa, um gosto amargo mas que sirva de remédio. A verdade é rainha, mesmo que sem reino. A Verdade pode ter muitas cores, mas sempre, sempre nos faz enxergar o preto no branco.