26.9.11

Naufrágio


Tanto amor, tanto desejo. Dois corações batendo na mesma cadência. Caminhavam lado a lado, respiravam o mesmo ar. Sonhavam os mesmos sonhos, teciam os mesmos planos. As bocas já não falavam, sussurravam. Os olhos brilhavam como estrelas numa noite quente. E de tanta cumplicidade, fundiam-se num único ser. Um não era sem o outro.
As pedras rolavam e as águas moviam-se. A vida seguia costurando os dias. Mas, sem se darem conta, perdiam o rumo; pouco a pouco, afastavam-se do porto. A chama se apagava, os corpos se repeliam. O silêncio era o diálogo que agora mantinham. O dia tornou-se noite e a noite um martírio. E era tanto vazio, que já não se preenchiam - tornavam-se estranhos compartilhando o mesmo ninho. No fardo dos desencontros, deixavam de ser um; multiplicavam-se em amarguras, afogavam-se na rotina.

21 comentários:

z i r i s disse...

Oh God! Reviví... Doeu de novo e sarou de novo... Sempre sara, porque sempre dói!

Lindo texto! Lindo...


Abraço, ziris

Monalisa Macêdo. disse...

Nossa!
Que coisa lindaaaaa Sandrinhaa!
Quanda intensidade e delicadeza juntos. Perfeito.

Suzana Martins disse...

Intenso desejos sentimentais que escorrem em letras vindas do coração.

Minha alma emocionada segue encantada!!

Beijos

Luna Sanchez disse...

O tempo pode ser tão cruel quando quer...

=\

Beijo.

Leonard M. Capibaribe disse...

Lindo e triste... O tempo tem esse efeito meio doce amargo mesmo...

Karla Dias disse...

C'est la vie...
Tudo tem principio e fim.
Bjs

Lizete Delmonte Ferraz disse...

Nossa, voce está escrevendo muito, Amelinha!!! lindo lindo lindo texto...profundo, doce, triste...

Um beijo querida!!!!

Ps. Ainda quero publicar aquele poema...

Anônimo disse...

Et le marin? Il est parti vers un autre port.. Et sa petite fille? Elle a connu un autre marin jusqu´un nouveau naufrage. ET LA VIE CONTINUE...

Patrícia ♥ disse...

Que lindo o seu cantinhoo..
adorei aqui!!

estou seguindo..
retribui??

beijos
http://momentosdapathy.blogspot.com
http://pathyoliver.blogspot.com

Erica Gaião disse...

Vim aqui conhecer você e agradecer pelo comentário tão gentil, deixado lá, no meu universo. Confesso ter ficado bem impressionada com o que li e vi aqui. Tudo tão lindo e refinado...

O amor também precisa de cuidados... Deixá-lo só por excesso de confiança é o mesmo que entregá-lo nas mãos habilidosas da rotina.

Amei aqui, também!

Beijos

vanessa cony disse...

Poupée...Obrigada pela visita.Fico muito feliz que tenha gostado de lá porque também gostei daqui.
Quando falamos daquilo que carregamos no coração as palavras tocam bem no alvo...
Beijo querida ,seja bem vinda .E eu ficarei por aqui.

Bia Prado disse...

Ai, que lindo demais. Até chorei.
Bjs, querida.

Eliete disse...

É triste mas muito verdadeiro, infellizmente.bjs

Lizete Delmonte Ferraz disse...

Brigada pelas lindas e carinhosas palavras lá no blog!!!!
Adoro voce!!! de coração!!

Um dia lindo!!
beijinhos

Sâmy disse...

Costurando os dias...

Adorei essa frase...

Espero sua visita no Crônicas

http://cronicasrapidas.blogspot.com/

Ruby disse...

Um blog lindo, uma música linda e um post lindo. Tudo harmonicamente lindo!

ღα૨gѳђ ખ૯૨ท૯૮ઝܟ disse...

A poesia das palavras não tira a massacrante realidade dolorida.

Beijo.

Danielle Oliveira! disse...

" Gostaria de te desejar tantas coisas. Mas nada seria suficiente. Então, desejo apenas que você tenha muitos desejos. Desejos grandes. E que eles possam te mover a cada minuto, ao rumo da sua felicidade!” C.D.A.

Ótimo Outubro!! Beijinhos Doces!

AC disse...

Quando aqui entrei comecei por me prender nas palavras que escolheu para o seu perfil: "De passagem por este mundo tentando ganhar alguma bagagem para minha partida. Mas não tenho pressa para ir embora. Nenhuma."
Depois deixei que a escrita fluísse, e ela fluiu mesmo. E eu fruí.
Parabéns pelo espaço.

pensandoemfamilia disse...

Bonita forma de retratar algo que comumente ocorre com os casais.
Vim conheçer seu blog através da Lizete.
Gostei da sua forma de escrever.
Parabéns

Luna Sanchez disse...

Oi, flor!

Voltei pra agradecer os comentários gentis lá no blog e dizer que todos foram publicados, só que no post anterior ficaram na segunda página.

;)

Beijo grande.