18.6.10

Le Temps Qui Reste

Quanto tempo? Quanto tempo ainda?
Anos, dias, horas? Quanto?
Quando penso nisso, como me bate o coração.
Meu país é a vida.
Quanto tempo ainda? Quanto?
Eu amo tanto o tempo que me resta!
Quero rir, correr, chorar, falar, e ver e crer, e beber, dançar,
gritar, comer, nadar, saltar, desobedecer.
Eu não acabei, eu não acabei.
Voar, cantar, partir, voltar a partir, sofrer, amar.
Eu amo tanto o tempo que me resta!

Já não sei mais onde nasci, nem quando.
Sei que não foi há muito tempo e que meu país é a vida.
Eu também sei que meu pai dizia:
“O tempo é como o seu pão. Guarde um pouco para amanhã”.
Ainda tenho o pão. Ainda tenho tempo, mas, quanto?
Quero brincar ainda, quero rir às gargalhadas.
Quero chorar rios de lágrimas.
Quero beber barcos inteiros de vinho, de Bordeaux e da Itália.
Quero dançar, gritar, voar, nadar em todos os oceanos.
Eu não acabei, eu não acabei.
Quero cantar. Quero falar até ficar sem voz.
Eu amo tanto o tempo que me resta!

Quanto tempo? Quanto tempo ainda?
Anos, dias, horas, quanto?
Quero as histórias, as viagens.
Tenho tanta gente a ver, tantas imagens.
De crianças, de mulheres, de grandes homens,
de pequenos homens, engraçados, tristes, muito inteligentes, bobos.
Que engraçado, os bobos me rodeiam,
Como as folhas entre as rosas.

Quanto tempo? Quanto tempo ainda?
Anos, dias, horas, quanto?
Não me importo, meu amor.
Quando a orquestra parar, continuarei dançando.
Quando os aviões não mais voarem, eu voarei sozinho.
Quando o tempo parar, eu a amarei ainda.
Eu não sei onde, eu não sei como,
mas eu ainda a amarei.
Está bem?
_____________________________________________

Leu? Agora ouça na voz de Serge Reggiani, em francês. É lindo!
(para ouvir sem interferência, pare minha playlist. Na barra lateral, ali ó... à direita)

_____________________________________________

Do filme “Deux Jours à Tuer/ Dois Dias Para Esquecer”
França, 2008 - Gênero: Drama - Direção: Jean Becker
(assista, por favor, assista!)

33 comentários:

Franck disse...

'qdo os aviões não mais voarem, ainda voarei', essa frase me pegou, e, que esse fim de semana vc comece a colocar em prática os vôos, os risos, os abraços, o degustar dos vinhos... que inveja!
Bjs*

ROSANA VENTURA disse...

...é preciso aproveitar mesmo todo o tempo que nos resta.É preciso isnsitir no amor, porque ele sim, é tudo o que nos resta afinal...
Ai que texto mais lindo!
bjossssss

Sentimental ♥ disse...

q lindo!!!
adoro francês.
bjs

Me disse...

vou ver, pelo texto deve ser demais!
o francês então nem preciso dizer ne?! rsss
bjoka amelie!!!

tania disse...

Lindo mesmo, viu? Obrigada por compartilhar com a gente.
Olha, me encantei com o trecho do poema da Flora Figueiredo que está na barra lateral aqui do seu blog e o incluí no meu último post lá no meu, fazendo menção ao teu blog, onde o conheci. Só pra te avisar.
Beijão

Grasi disse...

MARAVILHOSO!!!
Bjão

Vanessa Monique disse...

Que lindo,romântico e chique.
Franês é tão bonito.
Ótimo final de semana
:*

Blog do Mensageiro disse...

"Tempo... o eterno desafio de a ele se opôr como se seu esgotamento fosse imediato. Transferimos a ele o poder que nos torna senhores e escravos de sua natureza: quanto mais o temos, mais o ignoramos. E quando ele parece nem existir, imerso em sua condição ilusória, abre-se o atalho que recria a condição da vida". Tome seu tempo e o aproveite, centrada no momento presente, nem antes nem depois. O que foi já está, o porvir ninguém sabe. O presente, este vale!

Vanessa Monique disse...

Gatona ótimo jogo p ti.
E ótimo começo de semana;.
:*

Rafaela Bento disse...

Menina-mulher! q tenha tempo pra tudo..pra tudo isso pra muito mais..tempo até se tem o q se falta é coragem..ou não?!rsrs!

Valéria Sorohan disse...

Realmente muito lindo, música nada mais é do que o eco da alma.

BeijooO*

Paulo Braccini disse...

simplesmente adorável ...

obrigado pelo carinho da visita e do registro ...

seguindo

bjux

;-)

a**A disse...

Que lindo! Quanto sentimento nessas letras...amei obg por postar \o/ "*

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Tem que ter muita sensibilidade pra sentir dessa forma... lindo.!

-------------------

Chegamos de viagem e venho aqui só pra dizer que esse carinho danado de bom é realmente algo que faz falta.

Beijo imenso, menina linda.


Rebeca


-

Sonia Barbosa Guzzi disse...

Lindo!
Principalmente para ouvir num dia frio, com uma xícara de cha e um sentimento de felicida...só por estar alí...
Bjs linda, em divina amizade,
Sonia Guzzi

Louise Souza disse...

Que lindo! Adoreeei.

Beijos

Vanessa Monique disse...

Linda,q saudades de vim aki.
Nossa tô an correria dos estudos,agora q deu tempo de postar.
Jogo hj.
:*

Nathália disse...

Na minha escola estamos ensaiando uma música para cantar em uma apresentação, essa música é em francês, o nome dela é ensemble, naverdade, não temos que canta-la,temos que toca-la na flauta

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Chega final de semana e lá vem minha vontade de compartilhar coisas que acho interessantes. "Locks of love" fica na Coreia do Sul, numa torre em Seul, onde você escreve o seu nome e o nome da pessoa que você ama, coloca na cerca e joga a chave fora. E assim são as criatividades pelo mundo afora:

Veja algumas fotos:

http://www.flickr.com/search/?q=seoul%20tower%20love%20locks&w=all&s=int

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Poupée,

Achei muito legal esse link, adorei saber que gostou.

=]

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

artebaiao disse...

Belíssimo!

Brasil Desnudo disse...

Lindo, maravilhoso texto postado!

Postei uma matéria falando do Tempo, sendo que inspirado em outro tema, refletindo e avaliando o que perdemos diante do Tempo.

Mas belo blogo o seu

maeus parabéns

Marcio RJ

Caio Lima disse...

Eu acredito que dá tempo de fazer de tudo um pouco. A vida é curta, mas nem tanto. Ainda bem né! =P

bjão e boa semana pra vc

meus instantes e momentos disse...

passando para te desejar uma semana feliz...
Maurizio

... disse...

dançar sem orquestra...voar sem avião. o coração também não bate se não for pela a paixão.

Juci Barros disse...

De fato; lindo!
Beijos.

Paulo disse...

Amélie...
Quando somos crianças e adolescentes, pensamos que a vida é eterna... Com o passar dos anos, gostamos do que vivemos e queremos viver mais e mais. Mas em uma determinada fase nos damos conta que temos um tempo que nos resta. Talvez, passamos a viver mais intensamente, deixando bobagens de lado, pois sabemos que o tempo que nos resta é finito. Valorizamos momentos simples, e a vida se torna mais interessante.
Continue vivendo intensamente, pois sempre estaremos na melhor fase de nossas vidas...
Viva, viva, e dance mesmo que a música cabe, como você postou...
Adorei o texto...
Beijão.

Lucas Lima disse...

Uma amante de cinema francÊs ao que parece-me, rs
não vi este, estou na curiosidade agora... lindíssima cena...
bons dias

Franck disse...

Por onde andas? Tenho sentido saudades de seus textos...
Paz!

Nathália disse...

Obrigada! Queria tanto que tu fizestes uma postagem do "Mike" (Michael Jackson).Mas tudo bem!



beijos...

artebaiao disse...

Não aguentei e voltei para reescutar!
Mais belo ainda!

Paulo Braccini disse...

qto mais ouço mais me apaixono ...

aiai ...

bjux

;-)

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Poupée,

Essa blogagem coletiva foi engraçada e meu texto fez jus a minha personalidade.

=]

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-