6.3.10

Cinq Cent Douze

Fevereiro, 2010: oito dias no "512", Hotel Mac Mahon, Paris/Fr.  

Hoje, 13 dias depois, piso novamente em solo brasileiro.

Estou aqui, mas ele, o "cinq cent douze", continua lá, ao lado do Arco, na Avenue Mac Mahon, no hotel que leva o mesmo nome, em frente ao Café Lateral, esperando e acolhendo seus novos hóspedes. Ele não sabe de nada. Ele apenas faz o seu papel - o de quarto de hotel.

S'il vous plaît, la clé...

2 comentários:

Renato Saad disse...

Bem se ao nascermos, ja tivessemos um manual de instruções a nosso respeito seria facinho escolher o certo, mas aí, nada teria tanta graça, porque o melhor da vida é acertar após os erros, são eles que nos trazem as melhores lições sobre nós !!

Renato Saad disse...

O pior da vida é saber que o melhor não costuma bater nossa porta com frequencia ....ja nossa teimosia insiste em procurar aquilo que não se deve achar de preferencia ....